Garanhões

Open Chantaje

Open Chantaje

Open Chantaje (Ellerstina Pícaro x Ellerstina Chalina)

Adquirido do Itanhangá Polo em 2015, o cavalo é cria da Ellerstina, neto da Caperusa, considerada das melhores linhagens da cria de Gonzalo Pieres. Open Chantaje foi da tropa de Gonzalito Pieres e Rodrigo Andrade na temporada de 2012 na Argentina, antes de ser comprado por Noberto Pinheiro no mesmo ano. Em seu primeiro torneio na equipe Maragata (85º Aberto do Estado de São Paulo) o cavalo foi eleito o Melhor Animal da Final, jogando com Luiz Paulo Martins Bastos. Existem várias irmãs e irmãos próprios do Chantaje se destacando, os mais famosos são a Ellerstina Chalita, jogada por Miguel Novillo Astrada, eleita a melhor égua em 2 jogos do Aberto de Palermo 2014 e o Mega Chalino que vem de destacando com Gonzalito Pieres.


Open Café

Open Café

Open Café (Grappa Asteroide x Ellerstina Capelina) 

Comprado em 2010 no remate da Ellerstina. Asteroide é filho da famosa La Luna, égua jogada por Gonzalo Pieres nos anos 90 e Capelina é uma das principais éguas da tropa de Gonzalito Pieres, considerado o jogador melhor montado do Aberto de Palermo 2012. Em 2016 resolvemos trazê-lo de volta à São Paulo para jogar a temporada de alto handicap e ele vem se destacando na tropa do João Gaspar e no seu segundo torneio foi escolhido o Melhor Cavalo da Final no Aberto do Helvetia, 22 gols, jogando com o sulafricano Ignatius Du Plessis.


Ellerstina Elegante

Ellerstina Elegante (Ellerstina Pícaro x Mercedes)

Comprado em 2000 no remate da Ellerstina, cria do Sr. Gonzalo Pieres, filho de Ellerstina Pícaro, cavalo que foi grande campeão da Exposição Rural de Palermo, com Mercedes, PSI da Nova Zelândia, considerado melhor animal da temporada de polo Inglesa por dois anos consecutivos. Elegante tem mais de 30 filhos jogando a temporada de alto handicap no Helvetia Polo, principal centro de polo do Brasil.


Dolfina Cardenal

Dolfina Cardenal (Aiken Cura x Tijereta)

Garanhão emprestado por Adolfo Cambiaso (h). O Aiken Cura foi escolhido o melhor cavalo do Aberto de Palermo por 2 anos seguidos. O cavalo sofreu uma fratura na Final de Palermo em 2006 e teve que ser sacrificado. Em 2012 o cavalo foi clonado. Os primeiros produtos do cavalo estão sendo entregues pelo piloto em 2016 e devem estar em campo na temporada de 2017, destaque para a Bastos Sharapova.


Itapitocai Minuano

Itapitocai Minuano (Rainbow Corner x Bira)

Minuano, é cria da Maragata, filho de Rainbow Corner que foi um garanhão do Gonzalo Pieres com dezenas de filhos jogando os Abertos Argentinos e a mãe uma égua jogadora da equipe Maragata. Minuano participou de algumas torneios em São Paulo e agora está exclusivamente na cria. Se destacam entre os filhos dele o Itapitocai Sapezal (BPP da Giorgio Moroni 2017) de propriedade de Gustavo Garcia, Itapitocai Tom de propriedade de Rafael Villela, Itapitocai Sortuda, Itapitocai Surya, Itapitocai Soy de Alla, entre outros da tropa da Maragata.


Yo Quiero (Enemy Mine)

Yo Quiero (Enemy Mine)

Yo Quiero (Put it Back x Mattinata)

Yo Quiero (Enemy Mine) foi adquirido em 2015 no Remate do Haras Santa Maria de Araras. Nascido no fim de 2013, o cavalo foi domado em 2016 e está sendo treinado por José Luiz Toledo, além de ser garanhão da cria Itapitocai. Filho de Put it Back, cavalo que teve Teve 5 vitórias, aos 3 anos nos Estados Unidos, com U$ 232,895 em prêmios. Bi -campeão do ranking de melhor reprodutor da temporada pela ABCPCC (Trofeu Mossoró) – 2012/2013 e 2013/2014.  Nos Estados Unidos, dos 90 produtos dele com idade para correr, 67 ganharam. No Brasil produziu vários ganhadores de Grupo 1. Sua mãe, Mattinata é filha de Jules, teve 2 vitórias e 2 colocações em 5 apresentações entre Gávea e Tarumã.