História

A criação de cavalos de polo da equipe Maragata começou em meados de 1970, através de éguas jogadoras, sendo algumas Argentinas e outras Uruguaias que se destacavam e deixavam de jogar por lesões ou por idade, cruzando com cavalos PSI.

Em 1999 começamos a usar um garanhão filho de uma excelente égua jogadora com o PSI El Keats, chamado Itapitocai Facundo. Também nesse ano foi comprado na Argentina, em sociedade com Francisco Bargallo e José Tejera, um garanhão chamado Ytacuá Caracol, irmão de Ytacua Bengalita, égua que foi por algumas temporadas eleita melhor animal no Aberto de Palermo. Esse cavalo permaneceu e deu inicio a cria na Argentina.

Foi exportado nesta ocasião 4 das melhores éguas que a equipe tinha na cria para cruzar com este cavalo.

Ele produziu com a Cicatriz, entre outros, dois animais que mudaram o patamar da cria: a Itapitocai Koca e a Itapitocai La Tijo Cicatriz. Ambas jogaram a Triple Corona Argentina com o melhor jogador do polo mundial, Adolfo Cambiaso (Koca 2007 e La Tijo Cicatriz 2008).

A La Tijo Cicatriz jogou Palermo em 2010 com o brasileiro Rodrigo Andrade e foi com ele no ano seguinte para os EUA disputar o U.S Open.

 
 
Itapitocai Koca com Adolfo Cambiaso na final do Abierto de Palermo 2007.

Itapitocai Koca com Adolfo Cambiaso na final do Abierto de Palermo 2007.

Itapitocai La Tijo Cicatriz com Adolfo Cambiaso no Abierto de Tortugas 2008.

Itapitocai La Tijo Cicatriz com Adolfo Cambiaso no Abierto de Tortugas 2008.

 
 

Em 2000, já associado da AACCP (Asociación Argentina de Criadores de Caballos de Polo) a cria teve uma grande mudança, quando o Angelo Antonio foi administrar a estância Itapitocai e este segmento virou uma das prioridades.

Compramos neste ano um potro de 18 meses chamado Ellerstina Elegante, cria do Sr. Gonzalo Pieres, filho de Ellerstina Pícaro, cavalo que foi grande campeão da Exposição Rural de Palermo, com Mercedes, PSI da Nova Zelândia, considerada melhor animal da temporada de polo Inglesa por dois anos consecutivos.

Pícaro, é sem duvida, um dos principais reprodutores da raça Polo Argentino, tendo dezenas de filhos e netos competindo nos Abertos Argentinos e seu filho Ellerstina Elegante, o principal reprodutor e a base da cria Itapitocai com diversos animais jogando no Brasil e na Argentina pela equipe Maragata.

Em 2007 e 2012 a equipe comprou éguas dos principais criatórios mundiais e que reforçou ainda mais a cria Argentina, e fez com que construíssem lá uma estrutura independente, chamada La Correntina.

Depois, em 2010 compramos no remate da Ellerstina o garanhão Open Café, filho de Grappa Asteroide com Ellerstina Capelina. Asteroide é filho da famosa La Luna, égua jogada por Gonzalo Pieres nos anos 90 e Capelina é uma das principais éguas da tropa de Gonzalito Pieres, considerado o jogador melhor montado do Aberto de Palermo 2012. Em 2016 resolvemos trazê-lo de volta à São Paulo para jogar a temporada de alto handicap e ele vem se destacando na tropa do João Gaspar e no seu segundo torneio foi escolhido o Melhor Cavalo da Final no Aberto do Helvetia, 22 gols, jogando com o sulafricano Ignatius Du Plessis

Em 2015, adquirimos do Itanhanga Polo o garanhão Open Chantaje, cria da Ellerstina, neto da Caperusa, considerada das melhores linhagens da cria de Gonzalo Pieres. Open Chantaje foi da tropa de Gonzalito Pieres e Rodrigo Andrade na temporada de 2012 na Argentina, antes de ser comprado por Noberto Pinheiro no mesmo ano. Em seu primeiro torneio na equipe Maragata (85º Aberto do Estado de São Paulo) o cavalo foi eleito o Melhor Animal da Final, jogando com Luiz Paulo Martins Bastos. Existem várias irmãs e irmãos próprios do Chantaje se destacando, a mais famosa é a Ellerstina Chalita, jogada por Miguel Novillo Astrada, eleita a melhor égua em 2 jogos do Aberto de Palermo 2014.

Hoje em dia a cria está dividida entre Uruguaiana - RS e Curuzu Cuatiá, Argentina.

O afixo utilizado para os animais nascidos no Brasil é Itapitocai, já os que nascem na Argentina, levam o afixo Bastos.

A grande satisfação nestes últimos anos é ver o resultado destes investimentos em éguas, garanhões, domadores, pilotos e muito em infra-estrutura (pastagens, centros de doma, embriões, etc.) jogando na equipe os mais importantes torneios do país. A tropa da equipe é mais ou menos 60% composta pela cria.

Em 2017 dois animais da nossa cria foram premiados em 2 etapas da Triplíce Coroa do Helvetia Polo: Itapitocai Sapezal (Itapitocai Minuano x Lolita) propriedade e jogado por Gustavo Garcia e Itapitocai Bargallo 66 (Ytacua Caracol x Espi Tardecita) jogada por Luiz Paulo Martins Bastos.