Cuidados ao se realizar alongamentos

Por David Homsi

O fato de alongar a musculatura pré ou pós treino e/ou competição todos nós sabemos que é benéfico a saúde como também na prevenção de lesões.

Mas até que ponto o alongamento é benéfico? Quando ele se torna prejudicial, podendo causar algum desconforto ou lesão?

Sugiro que o alongamento seja feito pré aquecimento, não exagerar em posicionar as articulações e sim colocá las apenas em sua função anatômica normal para que depois inicie se o aquecimento.

Já em pós treino e/ou competições sugiro que primeira faça se um desaquecimento, quando a musculatura estiver relaxada ai sim fazer o alongamento final.

Imagina uma borracha, que quando nova você consegue dobrar ela sem dificuldades, agora imagine uma borracha ressecada     (igual a um músculo todo contraído) quando você tenta dobra-la ela se rompe, e isso acontece quando o músculo está contraído, onde há pequenos rompimentos na fibra muscular, que após longos períodos pode acorrer uma lesão muscular.

O que acontece quando alongamos em demasia?

Toda vez que você estirar excessivamente as fibras musculares (seja por balanceios ou por excesso de alongamento) há a resposta do reflexo neuronal, que envia um sinal para os músculos se contraírem, o que impede que os músculos sejam lesionados. Portanto, quando você faz um alongamento desmesurado está contraindo os mesmos músculos que está querendo alongar! (Acontece uma reação muscular involuntária semelhante quando se toca algo quente, por acidente; antes de se pensar a respeito, o corpo move-se rapidamente para longe do calor.)

Manter um alongamento no ponto mais extremo que se consegue, ou fazer balanceios para cima e para baixo, extenua os músculos e ativa o reflexo de alongamento. Estes métodos prejudiciais causam dor além de lesões físicas, devidas ao dilaceramento microscópico de fibras musculares. Estas fibras dilaceradas vão formando cicatrizes nos tecidos musculares, havendo assim uma perda gradual da elasticidade. Os músculos tornam-se enrijecidos e doloridos.

www.davidhomsi.com.br

David H.jpg